Coinbase lança airdrop do OmiseGo e libera tokens para detentores de Ethereum

Em 14 de maio, a importante exchange Coinbase anunciou que daria suporte ao token OmiseGo (OMG), causando alvoroço entre os investidores do projeto e ocasionando um aumento de preço do ativo. 

A Coinbase primeiro forneceu o acesso ao OMG aos traders institucionais em 18 de maio através da Coinbase Pro, a divisão profissional da exchange. O movimento foi otimista para a Ethereum, que viu seu preço subir 25% após as notícias. Os clientes de varejo obtiveram acesso ao ativo aproximadamente três dias depois.

Sem alarde a Coinbase promoveu, partir de 21 de maio, um airdrop de OMG que já havia ocorrido em 2017 para os clientes da plataforma principal da Coinbase, juntamente com os usuários de seus aplicativos para iOS e Android.

Screen Capture_20200529135911

A questão do airdrop é controversa porque não se trata de um airdrop feito atualmente exatamente para ou pela Coinbase. Em 2017, a equipe OMG realizou um airdrop no seu lançamento, mas na época a moeda não era listada na Coinbase.

No entanto, quem mantinha um saldo em ETH maior que 0,1 na Coinbase em 7 de julho de 2017 às 16h36 UTC, poderá receber tokens OMG da Coinbase. 

A Coinbase foi questionada por um cliente sobre o caso, e o usuário postou a explicação dada pela empreasa no Twitter.

EZIK0SfU8AA4Oos

A resposta deixa claro que o airdrop se refere ao de lançamento da OMG em 2017 e que a Coinbase não tem gerência sobre este evento.

Contudo, em virtude da listagem da moeda em sua plataforma, a Coinbase irá liberar tardiamente esse airdrop e a quantidade de OMG que cada cliente receberá depende da quantidade de ETH que se tinha em conta no momento indicado acima.

LEIA MAIS

Source